Sábado, 5 de Junho de 2010

... às vesperas.

Essa época junina nunca me traz lembranças lá muito boas.

O problema é dia 12? Não. Sempre indiferente, e não há motivos para não ser. Um dia como outro qualquer. A não ser pela diferença capciosa que atinge o coração de todos ao redor.

Quando se é criança, é dia de trocar balas de morango e dar as mãos para alguém. Na adolescência supostamente é o dia em que não se pode estar sozinha - ou você está acompanhado (com presente), ou deprimido/depressivo (e sem presente). Não necessariamente acompanhado você é feliz, mas esse não é o ponto. E os adultos? No dia dos namorados? Não, não sei. Acho que tendem a ser mais carinhosos ou indiferentes. Um dia saberei.

A carência das pessoas aumenta nessa época. Isso é deprimente, às vezes. Mas uma palavra que vêm a minha cabeça juntamente com a palavra carência é "patológica". Acho que é a mania das pessoas de associar essas palavras em seus textos e eu fico com isso em mente.

Mas, enfim, a questão é: o que estarei eu fazendo no dia 12?

No meu planejamento, estarei vendendo flores. Flores que não vou ganhar. Vender flores para pessoas e imaginar histórias. Talvez ouvir histórias. Nunca se sabe.

Se eu fugir do meu planejamento, não sei onde me encontrarei nesse dia. Talvez enrolada em números e códigos que levem a Platão e o mito da caverna. Não, não tem nada a ver com Gaarder dessa vez. It's all about os dias mais importantes da minha vida, que venho contando desde faz algum tempo, mas não aqui. Em outro lugar abandonado. Lugar este abandonado que eu recorri para a surpresa de domingo.

Surpresa. Não houve surpresa em maio. Surpresa alguma. Mas se eu soubesse que as surpresas viriam todas à tona em junho. Ah, se eu soubesse.

Agora tenho que ir, Vargas me observa. Politicamente falando, viva a democracia! Ou não, pois ela me colocou nessa enrascada. Palavras pessoais demais por hoje. Já chega.

Câmbio, desligo.

no momento: with a tigh grip on reality.

por Dani Takase às 03:40
permalink | comentários | +fav

últimas fugas

OEDIPOUS

m.

coletânea de palavras sem...

Sé dulce, Septiembre

No porta-malas

Fortaleza

Solilóquios II - O Margin...

Maio 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29
30
31


a farsante


descubra.

. 2 seguidores

toda a farsa:

Maio 2013

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

_

toda a farsa:

Maio 2013

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

pesquisar no em fuga -

 

~

(

RSS

_

English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified
By Ferramentas Blog

?

we♥it